Como Criar um Aplicativo de Sucesso4 min read


É inegável que o celular trouxe muitas facilidades para o nosso dia a dia. Tudo é feito através dele. Todos lembramos como isso começou, dos celulares antigos com o popular jogo da “cobrinha” e seus toques polifônicos, quando a palavra “aplicativo” nem existia ainda, até os tempos atuais onde tudo em um celular se dá através de um aplicativo.

E exatamente por isso o mercado de aplicativos só faz crescer, trazendo cada vez mais inovação, mais facilidade e claro, mais dinheiro para os que fizerem o próximo app de sucesso. E hoje vamos explicar para você aqui como criar um aplicativo de sucesso.

Entenda o mercado

Hoje o mercado de apps é vasto, e para saber como criar um aplicativo que dê certo, você precisa entendê-lo.

Primeiro é preciso ressaltar que o espaço para novos aplicativos existe, não é um segmento saturado, uma vez que vem em pleno crescimento tendo espaço para todos que souberem como trabalhar.

Para se ter ideia, segundo dados do State of Mobile, o Brasil viu um crescimento de 40% nos downloads de apps em geral no período de 2016 a 2019, e se levarmos em consideração que apenas 82,7% dos brasileiros tem acesso a internet, dados do IBGE, não temos como negar que a crescent do mundo dos aplicativos é extremamente chamativa para novos rostos em uma empreitada atrás de sucesso.

Ainda deste dado, podemos também tirar a conclusão de que o mercado não está totalmente consolidado, como está em expansão está também em processo de amadurecimento, o que dá muito espaço para inovar e galgar um espaço enorme lá dentro

Aplicativo de que?

Então vale a pena criar um aplicativo. Mas de que? Bom, primeiro precisamos falar que não existe um segmento mais correto que outro nesse mundo. É claro que aplicativos de delivery e de comida são muito populares, mas eles não necessariamente são uma mina de ouro. Isso porque querer criar um aplicativo de delivery só porque tem dado certo não é o suficiente, você precisa ter uma ideia, você precisa ter a solução para algum problema, você precisa ter algo para oferecer para quem for utilizar seu aplicativo.

Uma forma de bolar uma ideia para um aplicativo, é pensar através do seu trabalho atual ou o ramo com que você sonha trabalhar. Você entende sobre isso, você sabe como isso funciona, então e se esse seguimento tivesse um aplicativo? Como isso poderia ajudar o ramo? Como um aplicativo pode melhorar esse trabalho?

Basicamente, quando for criar um aplicativo, você se fazer essas perguntas:

  • Qual a função do meu aplicativo?.
  • Quais problemas ele vai resolver?
  • Quem é o público alvo dele?
  • Porque ele vai ser necessário para as pessoas?

A plataforma do aplicativo

Agora que você já respondeu todas aquelas perguntas e já sabe qual vai ser o seguimento do seu aplicativo, é hora de decidir onde ele vai operar. A escolha da plataforma de um aplicativo é muito importante, pois pode até de certo modo influenciar em quem será seu público alvo.

Isso porque basicamente você tem duas opções: IOS ou Android.

IOS

IOS é uma plataforma mais fácil de se operar na hora de criar um aplicativo, isso porque o Swift, a linguagem de programação do IOS é mais fácil de se operar, fazendo com que a criação do app seja mais barata e até 40% mais rápida.

Vale ressaltar que a Apple Store é extremamente rígida em suas regras e padrões de qualidade, e por isso pode ter uma demora maior para que seu aplicativo seja aprovado e aceito, é claro, correndo a chance de ser rejeitado se fugir a qualquer padrão deles.

Algo que pode ser um contra em escolher o IOS como plataforma é que como você deve saber, ele é o sistema operacional do Iphone, um celular que tende a ser mais caro e menos acessível que um Android, que é usado por mais tipos de marcas de smartphone. Isso pode limitar seu público de alguma forma, então atenção.

Android

Você também pode escolher fazer seu app exclusivamente para o robozinho verde, nesse caso você teria uma abrangência de público maior, principalmente se pensarmos que segundo dados da Global Bain & Company, 90% dos brasileiros usa um smartphone que roda com o sistema Android.

Mas como já dito antes, o Android sofre com problemas técnicos na hora de criar um app, o que faz com que haja fragmentações e outros contratempos, além de ser mais caro e lento programar através da linguagem java da plataforma

Híbridos

Você também tem a opção da criação de um aplicativo híbrido, ou seja, que possa funcionar tanto no IOS quanto no Android. Claro que tal aplicativo precisa de uma atenção especial e provavelmente vai ser suas complexidades, afinal, a proposta em si é complexa, mas no fim ele pode acabar atendendo todos os públicos e todas suas necessidades ao mesmo tempo. Te permitindo ir mais longe com seu aplicativo.

Agora que você já tem essas dicas e já sabe como criar um aplicativo, é hora de pôr a mão na massa com essas dicas, analisar o mercado, programar o app, e ganhar dinheiro com seu público.


E-book Grátis

Descubra 09 Dicas Infalíveis para uma Avaliação de Desempenho Perfeita.

Informe seu e-mail ao lado

100% livre de spam.