Dinâmica de grupo: invista em mais benefícios para os seus colaboradores


 O que é dinâmica de grupo?

A dinâmica de grupo é um sistema de comportamentos e processos psicológicos que ocorrem dentro de um grupo social ( dinâmica intragrupo ) ou entre grupos sociais ( dinâmica inter- grupo).

O estudo da dinâmica de grupo pode ser útil na compreensão do comportamento de tomada de decisão, no rastreamento da propagação de doenças na sociedade, na criação de técnicas de terapia eficazes e no seguimento do surgimento e popularidade de novas idéias e tecnologias.

dinâmica de grupo

A dinâmica de grupo está no centro da compreensão do racismo, do sexismo e de outras formas de preconceito e discriminação social.

Estas aplicações do campo são estudadas em psicologia , sociologia , antropologia , ciência política.

A história da dinâmica de grupo (ou processos de grupo) tem uma premissa consistente e subjacente: “o todo é maior que a soma de suas partes”.

Um grupo social é uma entidade, que tem qualidades que não podem ser entendidas apenas estudando os indivíduos que compõem o grupo.

Em 1924, o psicólogo da Gestalt , Max Wertheimer identificou esse fato, afirmando:

“Há entidades em que o comportamento do todo não pode ser derivado de seus elementos individuais nem do modo como esses elementos se encaixam;

Em vez disso, o contrário é verdadeiro: as propriedades de qualquer uma das partes são determinadas pelas leis estruturais intrínsecas do todo “(Wertheimer 1924, p.7).

Como um campo de estudo, a dinâmica de grupo tem raízes em psicologia e sociologia.

 Wilhelm Wundt (1832-1920), creditado como fundador da psicologia experimental, teve um interesse particular na psicologia das comunidades, que ele acreditava possuir fenômenos (linguagem humana, costumes e religião) que não poderiam ser descritos através de um estudo da Individual.

 Do lado sociológico, Émile Durkheim (1858-1917), que foi influenciado por Wundt, também reconheceu fenômenos coletivos, como o conhecimento público.

Outros teóricos fundamentais incluem Gustave Le Bon (1841-1931), que acreditava que multidões possuía um instinto ‘inconscientes raciais’ com primitivo, agressivos e anti-sociais, e William McDougall (psicóloga) ,

Que acreditava em uma “mente grupal”, que tinha uma existência distinta nascida da interação de indivíduos.

Em última análise, foi o psicólogo social Kurt Lewin (1890-1947) que inventou o termo de dinâmica de grupo para descrever as forças positivas e negativas dentro de grupos de pessoas.

Em 1945, ele estabeleceu o The Group Dynamics Research Center no Massachusetts Institute of Technology, o primeiro instituto dedicado explicitamente ao estudo da dinâmica de grupo.

 Ao longo de sua carreira, Lewin se concentrou em como o estudo da dinâmica de grupo poderia ser aplicado às questões sociais do mundo real.

Uma crescente quantidade de pesquisa aplicou princípios de psicologia evolutiva à dinâmica de grupo.

 Os seres humanos são argumentados que evoluíram em um ambiente social cada vez mais complicado e têm muitas adaptações preocupadas com a dinâmica de grupo.

Exemplos incluem mecanismos para lidar com status, reciprocidade, identificação de trapaceiros, ostracismo, altruísmo, decisão de grupo, liderança e relações intergrupais.

A importância da dinâmica de grupo nas empresas

Dinâmica de grupo é quando mais de duas pessoas estão reunidas em uma sala juntamente com um recrutador (área de Recursos Humanos e/ou de Psicologia) para estabelecer algum contato e trocar informações e experiências.

É um processo de vivência em que se avaliam aspectos comportamentais, intelectuais e sociais.

Três palavras-chave que auxiliam na escolha e eliminação de um ou mais candidatos após uma dinâmica de grupo que, normalmente, não é a última etapa de um processo seletivo, são as seguintes: influência –empatia – conflito interpessoal.

Esta última pode decidir por eliminar um candidato que se mostre intolerante às opiniões alheias, ou pouco colaborativo

A importância da dinâmica no processo coletivo do ensino-aprendizagem não deve ser, no entanto, absolutizada ou subestimada.

Sua utilização deve responder a objetivos específicos de uma determinada estratégia educativa, no sentido de estimular a produção do conhecimento e a recriação deste conhecimento tanto no grupo/coletivo quanto no indivíduo/singular.

Uma vez que a técnica da dinâmica não é um fim, mas um meio – é uma ferramenta a ser usada.

Ao optar pelo uso da técnica de dinâmica de grupo você poderá, através de jogos, brincadeiras, dramatizações, técnicas participativas,

Oficinas vivenciais e um ambiente descontraído, discutir temas complexos, polêmicos e até estimular que sejam externados conflitos (do indivíduo e do grupo), buscando estimular os participantes a alcançar uma melhoria qualitativa na percepção de si mesmo e do mundo.

E, conseqüentemente, nas relações estabelecidas consigo mesmo, com o outro e com o mundo.

Enfim, Dinâmica de Grupo é um caminho para educar junto!

Dicas para a dinâmica de grupo

Para o trabalho com dinâmica ter um desenvolvimento pleno, é recomendável que os grupos tenham, no máximo, 20 participantes.

Isto porém não impossibilita que se faça o uso dessa metodologia educacional em grupos maiores, em congressos, em seminários e outros.

Orientamos que nestes casos o coordenador divida o plenário em subgrupos para o desenvolvimento dos trabalhos e reúna o grupão nos momentos de socialização e de síntese.

Outros recursos que podem ser utilizados em grupos grandes são o retroprojetor, vídeo, exposições dialogadas, além de técnicas de teatro, tarjetas e cartazes.

Em todo início de atividade (encontro) deve ser feito o “Contrato do Grupo”.

Trata-se de uma discussão da pauta proposta, definição de normas internas do grupo, formação de equipes de trabalho e distribuição de tarefas.

Quando se tratar de uma atividade menor, um debate por exemplo, deve-se definir com o grupo o horário de terminar a atividade, o que será possível realizar, o que já foi preestabelecido, o objetivo da atividade e a metodologia de abordagem.

Em algumas situações, iniciativa e criatividade são elementos positivos para a seleção de candidatos que atendam a requisitos exigidos para a vaga na qual estejam concorrendo.

A equipe ou gestor de RH também avalia segundo a capacidade de cada participante apontar objetivos claros e inspirar os demais (caso comum em que os outros repetem o discurso do participante que obtém destaque na dinâmica).

Entretanto, como em todo processo, podem ocorrer desvios que costumeiramente são duvidosos numa avaliação.

Por exemplo, promover uma dinâmica de grupo entre indivíduos com ideias e objetivos muito diferentes um do outro.

Convém que o grupo seja heterogênio, mas precisa haver uma coerência em termos de maturidade e habilidades.

Porque, senão, há a possibilidade de se cometer algum tipo de injustiça.

Como fazer a dinâmica de grupo nas empresas

A motivação é a principal característica de equipes vencedoras.

Trabalhadores motivados são mais felizes, bem sucedidos e muito mais produtivos.

Uma das ferramentas das empresas para manter seus funcionários sempre engajados é usar as dinâmicas de grupo de motivação.

Em grupo ou individuais as dinâmicas de motivação são as queridinhas dos gestores e do pessoal dos Recursos Humanos.

Elas são usadas nos recrutamentos, seleções e treinamentos e servem especialmente para desenvolver um processo de aprendizagem e troca de conhecimento, individual ou do grupo como um todo.

Fáceis e rápidas, as dinâmicas de motivação no trabalho são capazes de sensibilizar o colaborador e modificar a maneira como uma equipe lida com os problemas relacionados ao trabalho e com a vida pessoal, melhorando o desempenho.

Conheça algumas dinâmicas motivacionais interessantes para fazer com equipes de trabalho:

  • 1- “O que você parece pra mim…”

Objetivo: integrar o grupo, melhorando sua socialização e identificando falhas e exaltando qualidades.

Material: papel cartão, canetas hidrocor e fita crepe.

Desenvolvimento: Cole um cartão nas costas de cada participante com a fita crepe. Cada participante deve ficar com uma caneta.

Ao sinal, os participantes devem escrever no cartão de cada integrante o que for determinado pelo coordenador da dinâmica:

1) Qualidade que você destaca nesta pessoa;

2) Defeito ou sentimento que deve ser trabalhado pela pessoa;

3) Nota que cada um daria para determinada característica ou objetivo necessário a atingir nesta dinâmica.

  • 2- Dinâmica do Desafio

Objetivo: observar o quanto as pessoas têm medo de desafios, pois eles terão pressa de passar a caixa para o outro. A ideia é expor que devemos ter coragem e enfrentar os desafios da vida para alcançar a vitória.

Material: Caixa de bombom enrolada para presente

Procedimento: diga aos participantes que na caixa tem um desafio surpresa que deve ser feito por quem estiver com ela nas mãos quando a música parar.

Coloque uma música animada para tocar, uma pessoa de costas para desligar a música quando desejar, e comece a passar a caixa de mão em mão no círculo montado com os colaboradores.

Quando a música parar, o coordenador faz um pequeno suspense e dá a opção, para a pessoa que pegou a caixa, de passa-la para frente.

Faça perguntas como “está preparado?”, “você vai ter que pagar o mico, viu?”, “seja lá qual for a ordem você vai ter que obedecer, quer abrir?”.

Faça isso até que alguém decida abrir a caixa. Lá dentro haverá um delicioso chocolate.

A lição é que quando encaramos o desafio, podemos ter agradáveis surpresas.

  • 3- Sociograma

Objetivo: descobrir os líderes positivos e negativos de um determinado grupo e pessoas em que o grupo confia. É muito utilizada por equipes esportivas e outros grupos.

Material: papel, lápis ou caneta.

Desenvolvimento: Distribui-se um pedaço de papel e caneta para cada componente do grupo. Cada um deve responder as seguintes perguntas com um tempo de no máximo 20-60 segundos, cronometrados pelo Coordenador da dinâmica:

1) Se você fosse para uma ilha deserta e tivesse que estar lá por muito tempo, quem você levaria dentro desse grupo?

2) Se você fosse montar uma festa e tivesse que escolher uma (ou quantas desejarem) pessoa desse grupo quem você escolheria?

3) Se você fosse sorteado em um concurso para uma grande viagem e só pudesse levar 3 pessoas dentro desse grupo, quem você levaria?

De posse dos resultados, contam-se os pontos de cada participante e interpretam-se os dados para utilização de estratégias dentro de empresas.

  • 4 – A dinâmica de grupo para derrotar a timidez

É bem verdade que algumas pessoas possam apresentar algum desconforto diante de uma dinâmica de grupo, especialmente porque possuem um perfil mais introvertido e reservado.

Alguns indivíduos se sentem pouco à vontade para falar sobre si mesmo em público ou, até mesmo, para exporem alguma ideia.

Em casos como esse, é pertinente que tais indivíduos tenham em mente que o real intuito de uma dinâmica é justamente promover um melhor relacionamento.

Além disso, é salutar destacar que as dinâmicas de grupo são excelentes para romperem com o perfil acanhado, uma vez que a timidez excessiva é prejudicial para a vida profissional de qualquer pessoa.

Na verdade, dependendo de como a dinâmica de grupo é aplicada, até mesmo o indivíduo mais tímido passa a se sentir mais solto, mais à vontade e apto para expor mais as suas opiniões e se tornar mais ativo no ambiente de trabalho.

Para que serve a dinâmica de grupo nas empresas

A dinâmica de grupo constitui um valioso instrumento educacional que pode ser utilizado para trabalhar o ensino-aprendizagem quando opta-se por uma concepção de educação que valoriza tanto a teoria como a prática e considera todos os envolvidos neste processo como sujeitos.

dinâmica de grupo

A opção pelo trabalho com dinâmica de grupo permite que as pessoas envolvidas passem por um processo de ensino-aprendizagem onde o trabalho coletivo é colocado como um caminho para se interferir na realidade, modificando-a.

Isso porque a experiência do trabalho com dinâmica promove o encontro de pessoas onde o saber é construído junto, em grupo.

Logo, esse conhecimento deixa de ser individualizado e passa a ser de todos, coletivizado.

Ainda tem a qualidade de ser um saber que ocorre quando a pessoa está envolvida integralmente (afetivamente e intelectualmente) em uma atividade, onde é desafiada a analisar criticamente o grupo e a si mesma, a elaborar coletivamente um saber e tentar aplicar seus resultados.

É importante ressaltar que faz parte desse processo a garantia da participação constante de todos os participantes.

Só assim todos se sentirão donos do saber alcançado.

É interessante aferir também que as dinâmicas de grupo, por causa da sua evidente versatilidade, possuem características que se encaixam em variados segmentos. Há dinâmicas que podem muito bem ser voltadas para um determinado funcionários obter maior sucesso no ramo de vendas.

Há também aquelas dinâmicas de grupo que possuem a capacidade de despertar dons de liderança em administradores e demais gestores, bem como há dinâmicas de grupo destinadas para aprimorar ainda mais o trabalho em equipe dentro de uma empresa.

Enfim, a quantidade e o tipo delas é bastante variado e a aplicação delas (e até mesmo a criação de alguma delas) é muito importante para o desenrolar de qualquer atividade dentro de uma corporação.

Bem sabemos que qualquer empresa ou corporação compreendem um time de pessoas.

Para esse time obter êxito em suas ações e realizações, é necessário que exista ali um excelente trabalho em equipe. Ou seja, é a dinâmica de trabalho em equipe que é a engrenagem que faz um grupo de pessoas agir com clareza e com sucesso.

A partir do momento em que existe uma eficiente dinâmica para trabalho em equipe, qualquer grupo de pessoas adquire a capacidade para manter o foco em atingir um objetivo em comum.

É nesse contexto que, para se obter uma melhor performance de um determinado time de profissionais, as dinâmicas de grupo se configuram em elemento de suma importância.

Dinâmica de grupo, liderança e trabalho em equipe

A capacidade de uma equipe atingir resultados cada vez melhores é diretamente proporcional ao seu nível de sinergia.

Este senso de coletivo é promovido por meio de valores primordiais e indispensáveis para o alto desempenho do time, entre eles: colaboração, confiança, transparência, empenho, comprometimento, iniciativa e foco nas metas e objetivos almejados.

Porém, uma equipe desmotivada impacta diretamente na queda de resultados ao final do mês.

Essa desmotivação pode ser ocasionada por inúmeras razões, que podem ser combatidas dentro da empresa de diversas maneiras, além de criar um ambiente negativo e desagradável de se trabalhar.

Uma excelente maneira de manter seus colaboradores motivados é por meio de dinâmicas.

Dinâmicas de motivação no trabalho são capazes de despertar no funcionário a vontade de dar seu melhor pela carreira e empresa.

Se sentir bem no emprego é um grande ponto positivo, e essas atividades procuram justamente fazer com que o colaborador se sinta a vontade naquele lugar.

Além disso, essas dinâmicas se mostram muito efetivas para a maximização da fluidez entre os integrantes e potencialização de resultados gerais.

Bem sabemos que qualquer empresa ou corporação compreendem um time de pessoas.

Para esse time obter êxito em suas ações e realizações, é necessário que exista ali um excelente trabalho em equipe.

Ou seja, é a dinâmica de trabalho em equipe que é a engrenagem que faz um grupo de pessoas agir com clareza e com sucesso.

A partir do momento em que existe uma eficiente dinâmica para trabalho em equipe, qualquer grupo de pessoas adquire a capacidade para manter o foco em atingir um objetivo em comum.

É nesse contexto que, para se obter uma melhor performance de um determinado time de profissionais, as dinâmicas de grupo se configuram em elemento de suma importância.

As dinâmicas de grupo para empresas servem como um parâmetro para obter uma melhor atuação das pessoas, pois, por meio de tais atividades, é possível ter em mente qual a característica comportamental e emocional de cada integrante,

facilitando assim que o líder tenha uma melhor noção de como se aproximar e também comunicar as suas ideias e sugestões.

Servem também como propósitos múltiplos, podendo ser úteis tanto para enfatizar momentos de descontração, oportunidades para desinibir, instantes de motivação entre outros.

Ainda que conte com propósitos variados e métodos diferenciados, a essência objetiva de uma dinâmica de trabalho em equipe é promover a boa relação e a eficiência de um time que constitui uma organização.

Benefícios da dinâmica de grupo nas empresas

Com o intuito de detectar os potenciais e também os pontos falhos de um funcionário e assim auxiliá-lo para obter uma melhora, é essencial que exista a dinâmica de grupo.

dinâmica de grupo

Por meio de jogos, por exemplo, que são atividades espontâneas limitadas por regras como tempo e estratégias, fazendo com que revelem as características de seu caráter, bem como das suas ações comportamentais diante de alguma adversidade.

As dinâmicas de grupo, na verdade, compreendem um momento singular onde os funcionários podem demonstrar com maior facilidade as suas qualidades e também o seu empenho.

É um procedimento de grande utilidade e que serve como um evidente auxílio na realização de trabalhos em equipe, além de identificar como a pessoa age em grupo.

Isso ocorre, pois nas dinâmicas há uma maior flexibilidade, participação efetiva na busca de resultados, tudo isso por meio de ações que visam inovar processos e métodos de cunho organizacional.

Vale lembrar, inclusive, o homem por si só jamais poderá ter subsídios para alcançar o progresso e o sucesso.

Nesse contexto, é fundamental agir e estar entre outros para agregar conhecimentos e possibilidade de crescer ainda mais. As dinâmicas de grupo conseguem esse resultado.

Por meio do trabalho em equipe é evidente que o sucesso de uma corporação ou empresa seja alcançado.

As dinâmicas de grupo, nesse caso, funcionam como ferramentas de extrema eficiência.

Entre as suas vantagens é possível destacar um melhor aproveitamento dos talentos individuais, a utilização de novas abordagens e soluções para problemas mais antigos, uma maior criatividade aos serviços de projeto,

uma evidente motivação para atingir as metas propostas, exercícios para perder a timidez e o inconveniente medo de falar em público, uma maior possibilidade de troca de experiências, um ganho evidente na produtividade da empresa, prazer em trabalhar, uma melhor relação com colegas de trabalho, entre outros.

Vale salientar também que toda a dinâmica de grupo tem o intuito de permitir a exibição de como cada funcionário exerce uma comunicação com o outro.

Nesse caso, é óbvio que surgem alguns fatores inibidores que em, algumas circunstâncias, possam até não comprovar todo o potencial dos candidatos a um determinado cargo.

No entanto, é salutar ter em mente que uma dinâmica de grupo tem a possibilidade de estabelecer e criar as condições necessárias de percepção referente a algum conceito ou ação, se tornando, por assim, dizer, elemento de indiscutível importância para os dias de hoje.

Em vários momentos e situações, determinadas iniciativas e ações com criatividade são conceitos de notória importância para obter uma melhor seleção de candidatos.

Dessa maneira, por meio das dinâmicas que dão ênfase para o trabalho em grupo, eles possuem as todas condições ideais para assim atender a aqueles requisitos que são exigidos para a vaga na qual eles estão a concorrer.

Ou seja, as dinâmicas de grupo são essenciais.

Além disso, a equipe ou também gestor de RH possuem todos os subsídios necessários para efetuarem uma precisa avaliação de acordo com a capacidade que cada participante possui.

Ou seja, os participantes da dinâmica de grupo encontram nela as oportunidades para apontarem objetivos claros, demonstrarem as suas qualidades e aspirações, até mesmo inspirarem os outros colegas.

Isso é muito comum, tornando possível que todos os funcionários e membros de uma determinada equipe possam se conhecer melhor.

Clique no link abaixo e conheça a ferramenta que irá transformar os resultados dos seus colaboradores.

>> Clique Aqui e conheça o Software Avaliação Gratuitamente <<

Dinâmica de grupo: invista em mais benefícios para os seus colaboradores
5 (100%) 17 votes


E-book Grátis

Descubra os 10 passos infalíveis para uma Avaliação de Desempenho Perfeita.

Informe seu e-mail ao lado

100% livre de spam.