Educação Corporativa: como investir em equipes pode ser a chave do sucesso


O que é Educação corporativa?

A Educação Corporativa refere-se a um sistema de atividades de desenvolvimento profissional fornecido para educar os funcionários.

Pode consistir em formal, universidade ou faculdade formação ou de formação informais prestados por instituições não colegiados.

Educação Corporativa

A forma mais simples de educação corporativa pode ser programas de treinamento projetados “internos” para uma organização que deseje formar seus funcionários em aspectos específicos de seus processos ou responsabilidades de trabalho.

A educação corporativa é um esforço minucioso das instituições que buscam o contínuo desenvolvimento das pessoas.

Não apenas de funcionários, mas todos aqueles envolvidos com suas atividades como fornecedores, clientes e a sociedade como um todo, a fim de gerar determinado valor que contribua para a produtividade, alcance de metas e crescimento saudável da organização.

A palavra educação é originária do latim educere, que significa extrair, tirar, desenvolver.

A educação é um fator vital para a existência do homem em sociedade, e permeia os mais diversos aspectos da vida do ser humano, tanto nas fases iniciais, quanto ao longo dela. Atualmente, vivemos na chamada era do conhecimento (ou sociedade da informação).

Diante dessa realidade, a educação assume um papel chave como ferramenta que proporciona ao indivíduo a capacidade de interagir como um agregador de resultados consciente e participativo no seu papel de cidadão.

Investindo em educação corporativa a empresa reconhece o valor estratégico das pessoas no cumprimento das metas organizacionais e busca desenvolver valores que possam ser levados para fora da estrutura física da empresa e ao longo da carreira de seus funcionários.

Existem 7 princípios que são norteadores para o desenvolvimento do processo de educação corporativa. São eles:

  1. Competitividade: Educação como fator gerador de aptidões que torne a empresa mais competitiva no mercado;
  2. Perpetuidade: Educação como ferramenta de gestão do conhecimento permitindo criar, manter, transformar e transmitir as crenças e valores da organização;
  3. Conectividade: Educação como formadora de rede que conecte as pessoas não apenas umas com as outras mas também com o ambiente no qual elas estão inseridas;
  4. Disponibilidade: Facilidade na disseminação do conhecimento não dependendo de um lugar específico e nem hora estabelecida, mas sim de um processo contínuo;
  5. Cidadania: Apoio ao desenvolvimento individual, coletivo, e social do homem;
  6. Sustentabilidade: Exercer o aprendizado conhecendo e colaborando com os princípios de manutenção de recursos naturais e desenvolvimento sustentável;
  7. Parceria: Enriquecer o processo de educação por meio de parcerias que sejam produtivas como Universidades e empresas especializada.

Educação corporativa no brasil: mitos e verdades

No Brasil, a educação corporativa ainda é um ponto muito negligenciado e isso precisa mudar ou colocará em risco questões competitivas e estratégicas das empresas.

De acordo com uma pesquisa realizada em 2015, enquanto nos Estados Unidos os colaboradores recebem 31h de treinamento anual, em nosso país, esse número cai quase pela metade, ficando apenas nas 16h.

Além do mais, as empresas norte americanas investem cerca de $1208 anuais no treinamento de cada colaborador, enquanto no Brasil esse valor não chega nem aos R$600, mesmo em empresas de grande porte.

“Com um mercado cada vez mais globalizado e competitivo, não há dúvida de que as organizações devem se conscientizar da necessidade de investir na qualificação de seus colaboradores e parceiros, como um elemento-chave na criação de diferencial competitivo.

Por isso, não se trata de mais um modismo na área de gestão empresarial, mas sim de um sistema que realmente dará sustentação para uma atuação estratégica e bem-sucedida das empresas”.

Essa afirmação, sobre educação corporativa no Brasil, foi dada Marisa Éboli,  Doutora em Administração pela Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de São Paulo (FEA/USP), e autora do livro “Educação Corporativa no Brasil: Mitos e Verdades, publicado pela Editora Gente.

Ela afirma que um dos maiores desafios enfrentados pelas empresas que investem nessa área está relacionado à dificuldade de implantar sistemas que permitam uma mensuração de resultados obtidos com o Sistema de Educação Corporativa.

Educação corporativa e gestão do conhecimento

Podem existir relações mais formais em que o treinamento corporativo é fornecido aos funcionários através de contratos ou relacionamentos com instituições educacionais que podem conceder crédito, seja na instituição ou através de um sistema de CEUs (Unidades de Educação Continuada).

Muitas instituições ou formadores que oferecem educação corporativa fornecerão certificados ou diplomas que verificam o atendimento do empregado.

Alguns empregadores usam educação corporativa e contínua como parte de um esforço holístico de recursos humanos para determinar o desempenho do empregado e como parte de seus sistemas de revisão.

Cada vez mais, as organizações parecem estar usando educação corporativa e treinamento como incentivo para reter gerentes e funcionários-chave dentro de sua organização. Este acordo ganha-ganha cria gerentes mais educados para a organização e fornece aos funcionários um portfólio de habilidades mais comercializável e, em muitos casos, qualificações reconhecidas.

A importância da educação corporativa

A educação nas empresas sempre existiu, porém, está com uma nova roupagem, imposta pelas transformações experimentadas pelo mundo, principalmente a partir da década de 90, que com o avanço da globalização trouxe um cenário de mudanças e incertezas.

Se fizermos uma lista de competências exigidas para o trabalhador, que transformou-se em colaborador, no sentido de que deve colaborar para o sucesso do negócio, ela será imensa, mas podemos reduzir em uma única palavra: adaptabilidade.

Educação Corporativa

Afinal, a única maneira de um profissional manter-se atualizado é através da transformação, que surgirá pela aprendizagem constante.

São as pessoas que fazem uma empresa, e portanto, o mercado valoriza cada vez mais, atitudes, habilidades e conhecimentos baseados na solução de problemas, em idéias inovadoras, preparo técnico, utilização eficaz das novas ferramentas tecnológicas e o trabalho em equipe.

Surge a necessidade de novos modos de agir e pensar para vencer os obstáculos de um ambiente incerto, no qual as oportunidades e riscos devem ser rapidamente detectados.

Assim como os fatores intangíveis ganham força e importância dentro das organizações, a economia também caminha neste sentido, pois concentra-se em serviços, virtualizações e experiências.

Segundo Marisa Eboli, em seu livro Educação corporativa no Brasil, “são os aspectos relativos ao comportamento e às atitudes que estão imprimindo as características diferenciadoras de estilo e qualidade de gestão”.

Investir em educação corporativa no treinamento e desenvolvimento de funcionários é mais do que um modo de trazer benefícios para sua corporação. É primeiramente, um investimento na pessoa, em sua carreira e seu desenvolvimento profissional.

Isso, por si só, já é um grande incentivo para que o colaborador dê seu melhor pela empresa e se sinta grato, recompensado e valorizado dentro da corporação.

Funcionários que recebem treinamento, sentem que a empresa se preocupa com seu crescimento.

E como esse é um investimento financeiro e de alta qualidade, se sentem em uma posição de destaque na corporação e ficam mais impelidos a retornar o que foi gasto com sua capacitação.

Além do mais, com mais recursos e conhecimento sobre seu trabalho, a empresa e sua área de atuação, o funcionário se sentirá mais confiante ao realizar suas tarefas, tomar decisões importantes e até sugerir melhorias para processos e a corporação como um todo.

E isso também resulta na diminuição do turnover, rotatividade de colaboradores, o que em grandes proporções poderia gerar grandes prejuízos para a empresa.

Educação corporativa, mais do que funcionários mais capacitados, forma pessoas mais participativas, empenhadas e, por consequência, uma empresa mais unida, produtiva e forte culturalmente.

Ações relacionadas a educação corporativa

O executivo aponta que um caminho para incorporar aprendizagem à estratégia é definir um responsável pelo assunto, criando um setor de educação corporativa.

A nova estrutura organizacional caminha para a adoção de um modelo de educação híbrido, onde as empresas compartilham a responsabilidade do ensino-aprendizagem, antes exclusividade da academia.

A educação contemporânea assume a convergência entre as modalidades presencial e a distância como mecanismo de efetividade no suporte metodológico ao ensino-aprendizagem.

A mudança nos horizontes espacial e temporal da educação rebate no compartilhamento e na disseminação do conhecimento com outras instituições, antes exclusividade das universidades.

As empresas passam a assumir importante papel no desenvolvimento de pessoas, tornando as fronteiras organizacionais mais permeáveis e diminuindo a distância entre mercado e academia.

Trata-se de uma mudança de paradigma que exige das pessoas e das organizações cada vez mais agilidade, flexibilidade, competência social e criatividade.

Um funcionário que não tem visibilidade dentro da empresa, que não se sente reconhecido e importante para a organização, dificilmente vai estar disposto a ajudar em um momento de crise, ou irá contribuir para que ela tenha inovação e melhorias constantes.

Os motivos para que ele aja dessa forma podem ser muitos, porém um dos que mais pesa é a falta de confiança desse colaborador na empresa e, principalmente, nele mesmo.

Sem a educação corporativa e sem que ele tenha os conhecimentos adequados sobre a empresa e sua área de atuação, o colaborador pode não se sentir seguro para sugerir soluções a seus problemas ou para apontar falhas, por mais que ele esteja certo e isso seja visível.

Com o treinamento oferecido pela própria empresa através das ações de educação corporativa, o funcionário terá mais referências, conhecimento.

E com mais confiança, se sentirá impelido a colocar todo seu aprendizado em ação dentro da empresa, não só apontando falhas e propondo melhorias, mas também trazendo inovação.

Vantagens da educação corporativa

Considerando que o principal ativo das organizações são os talentos humanos, cabe, portanto, às organizações estimulá-los para que possam enfrentar os desafios com entusiasmo.

Superando obstáculos e sendo capazes de se auto-realizarem, como prova de que estão preparados para reagir prontamente às mudanças.

No contexto atual, de mudanças aceleradas, a gestão do conhecimento torna-se imprescindível para obtenção de vantagem competitiva no mercado global.

Assim, as empresas vêm sentindo a necessidade de desenvolver um sistema educacional próprio, totalmente orientado para o mercado, bem como de aprimorar suas relações com os clientes, fornecedores e comunidade em geral.

Como conseqüência desse investimento, as organizações estariam colaborando para a formação do novo perfil do profissional do futuro, oferecendo-lhe oportunidades de aprendizagem contínua e o desenvolvimento de posturas, habilidades e atitudes, além da preocupação com o conhecimento teórico.

Hoje, valorizam-se as experiências dos profissionais, de suas competências, dando-se ênfase para o capital humano, buscando-se nas pessoas o diferencial competitivo de mercado.

Nesse aspecto, discute-se, a seguir, a gestão de competência e do conhecimento como práticas que podem proporcionar um diferencial para as organizações.

Educação Corporativa

Com tudo isso que a educação corporativa proporciona a uma empresa, o maior benefício é, consequentemente uma grande vantagem competitiva frente aos concorrentes.

Independente do setor ou da área de atuação, se uma corporação possui funcionários mais motivados, competentes e com alta produtividade, ela com certeza vai se destacar.

Nesse cenário, a chance dessa empresa entregar produtos e serviços com mais qualidade para o cliente, de forma rápida e satisfatória é muito maior e com certeza isso vai contribuir para dar mais credibilidade ao seu negócio.

Além do mais, como já pontuamos, empresas com funcionários comprometidos e engajados são mais propensas a apresentarem melhorias e inovações naquilo que oferecem.

Então, novamente, elas podem ganhar destaque e relevância frente aos outros negócios, aumentando a satisfação dos clientes e atraindo assim mais recomendações e vendas.

E o melhor é que os efeitos da educação corporativa podem ser sentidos de forma contínua e isso então possibilitará uma vantagem e um desenvolvimento sustentável da empresa.

Funcionários, clientes, fornecedores e público externo em geral, estarão sempre lembrando de seu negócio, aprendendo com ele, e isso é algo extremamente valioso.

Um colaborador que sabe somente como executar seu trabalho e não questiona o processo de desenvolvimento ou é capaz de propor mudanças para otimizar suas tarefas, pode estar gerando prejuízos e estagnação para a empresa em diversos níveis.

Já um funcionário bem preparado, que conhece, ainda que superficialmente, todas as atividades da empresa, e domina a execução de suas tarefas, será capaz de questionar esses métodos e sugerir melhorias em cada um deles de modo a aumentar sua produtividade.

Facilitar seu trabalho e garantir mais qualidade e eficiência em cada processo.

O retrabalho nesses casos também se tornará bem menor.

Como cada colaborador terá mais domínio sobre a execução de suas tarefas, eles consequentemente cometerão menos erros e não precisarão gastar tempo com ajustes e consertos, o que impacta fortemente em sua produtividade e também na qualidade daquilo que é entregue ao cliente, que ficará sempre mais satisfeito.

Além do mais, através da educação corporativa, com treinamentos e conhecimento da empresa e seu cenário atual, caso esse colaborador precise tomar alguma decisão importante, ele estará muito mais bem preparado e, então, os riscos de que ele traga prejuízos de qualquer tipo são bem menores.

Funcionários que realizam suas tarefas com facilidade e têm acesso a informações para lidar com seus problemas de forma rápida e fácil, se tornam muito mais satisfeitos com seu trabalho e passam a não ter medo dos desafios impostos a eles.

Exemplos de educação corporativa

Quanto mais as empresas entendem a importância das ações de educação corporativa, mais elas querem aprimorá-las de forma que elas tragam benefícios em igual proporção para colaboradores e empresas.

As corporações estão cada vez mais preocupadas com o valor estratégico dos treinamentos oferecidos e em como eles poderão justificar o investimento feito de forma visível e mensurável, retornando em forma de desenvolvimento e crescimento também da corporação.

E assim, as vezes oferecer um curso mais curto, específico não é suficiente.

É necessário criar cursos mais extensos, para oferecer uma capacitação completa ao colaborador e fazer com que ele tenha uma formação teórica e prática totalmente de acordo com a estratégia do negócio.

Porém, um grande desafio, que ganha destaque principalmente nesses casos, é relacionado à certificação.

Apenas cursos reconhecidos pelo MEC podem oferecer certificações e para conseguir isso, as empresas precisam passar por um processo de adaptação.

Portanto, nesse contexto, surgem as Universidades Corporativas, importantes instituições de educação.

Elas funcionam exatamente para suprir essa demanda por treinamento estratégico e completo, com a vantagem do reconhecimento e da certificação do MEC.

A educação corporativa vem fazendo bastante sucesso no mundo empresarial nos últimos anos.

Com o avanço tecnológico, os hábitos e comportamentos das pessoas mudaram bastante e a educação como um todo foi muito impactada nesse aspecto.

Esse é um dos motivos do e-learning corporativo fazer tanto sucesso nos dias de hoje.

Para comprovar o que estou falando, listei algumas vantagens da educação corporativa na modalidade de ensino a distância que você pode acompanhar a seguir.

De forma simples, é uma instituição de determinada empresa, pública ou privada, que tem como objetivo educar os colaboradores em vários níveis para que a empresa opere com mais eficiência.

Uma Universidade Corporativa também pode ser criada pela parceria entre uma empresa e uma instituição de educação já consolidadas e contribui para reduzir custos e obter rapidez na formação de mão de obra estratégica.

Essas Universidades podem oferecer cursos de nível técnico e superior, totalmente personalizados pela empresa, e, geralmente, utilizam muitos recursos tecnológicos e aulas ministradas prioritariamente a distância, através de vídeos online.

Investir nesse tipo de empreendimento é uma decisão muito grande, mas que pode trazer diversos benefícios a sua empresa e revolucionar sua educação corporativa. Alguns dos motivos que levam muitas organizações a adotarem essas Universidades Corporativas são:

Educação personalizada e direcionada ao seu negócio

Com uma Universidade Corporativa, você educa seus colaboradores de acordo com a realidade e as necessidades do seu negócio, ganhando em eficiência e inovação.

Universidades e cursos convencionais ensinam o conteúdo de uma forma mais geral, sem direcionamento, e utilizam casos e um cenário genérico, sem se preocupar com as especificidades de um mercado específico.

Já uma Universidade Corporativa é totalmente voltada para as necessidades estratégicas de determinada empresa e possibilita que os gestores desta tenham um maior controle sobre todo conteúdo que será abordado, ensinando cada tópico de forma a atingir seus objetivos.

Possibilidade de personalização: Uma das grandes vantagens da educação corporativa na modalidade de EAD diz respeito a possibilidade total de personalização. Logo, cursos, materiais, processos, enfim, tudo pode (e deve) ser personalizado de acordo com as principais demandas da empresa.

Isso faz com que o colaborador se sinta mais a vontade e consiga absorver o conhecimento do treinamento como um todo de forma mais fácil e eficiente.

Relatórios completos: Com o uso de uma plataforma EAD na educação corporativa nas empresas, é possível criar e customizar diversos tipos de relatórios dentro de ambiente virtual de aprendizagem.

Esses relatórios podem ser bastante completos e eficientes para a gestão empresarial, visto que facilitam a verificação da adesão aos cursos por parte dos colaboradores, além de obter de forma bastante simples feedbacks desses processos.

Agilidade: Uma das grandes vantagens do EAD corporativo diz respeito a facilidade, simplicidade e agilidade através da qual é possível modificar conteúdos e melhorar os treinamentos corporativos como um todo.

Esse ganho de tempo, através de uma maior agilidade de mudanças, oferece também economia financeira, visto que o tempo que estariam gastando alterando algum detalhe do curso presencial tradicional pode ser reaproveitado em outras tarefas.

Custo x Benefícios: Outra grande vantagens da educação corporativa nas empresas que atuam com a modalidade de EAD diz respeito ao baixo custo.  A eliminação dos custos de suporte e manutenção de salas de aulas físicas encarecem e muito o processo de educação corporativa.

Deste modo, a educação corporativa trabalhada em ambiente virtual reduz custos e se mostra com um excelente custo x benefício para empresas.

Recursos: Com uma plataforma EAD completa e robusta, um colaborador pode se valer de diversas maneiras distintas de aprender novos conteúdos e assimilar novas competências profissionais.

Além disso, recursos multimídia que facilitam a interatividade do aluno/colaborador pode fazer com que o processo e aprendizagem se torne muito mais dinâmico e eficiente do que se fosse um treinamento corporativo normal.

Menor burocracia: Como o próprio nome já diz, trabalhar a educação corporativa nas empresas em um ambiente online diminui processos complexos e burocráticos, refletindo em menos papéis, documentos e impedimentos diversos.

Antes, para muita gente, investir em educação corporativa significava ter que lidar com uma série de desafios como os altos custos, limitações físicas e geográficas e interferência na jornada de trabalho dos colaboradores.

Porém, hoje com o avanço da tecnologia e facilidade de acesso a internet de todos os lugares e dispositivos, a realidade é outra.

Modelos de ensino como a educação a distância têm se tornado cada vez mais populares pelas vantagens que trazem em termos de investimento, flexibilidade, dinamicidade e rápida aplicação e retorno.

Utilizando apenas um dispositivo conectado a internet, hoje já é possível que os colaboradores estudem de qualquer lugar e a qualquer momento com a mesma qualidade dos cursos presenciais e mais uma série de vantagens em relação a eles.

Corte de gastos

Quando você pensa em realizar um treinamento corporativo para sua equipe, se ele for presencial, além do aspecto educacional, que é o mais importante, você precisa planejar uma série de outras coisas que, se não levadas em conta, podem acabar prejudicando o aproveitamento da turma e diminuindo seu aprendizado.

De forma geral, isso quer dizer que você precisa pensar no conteúdo, claro, mas também precisa focar em outras questões importantes, como local adequado para receber as pessoas, estrutura técnica e de acomodação para elas, ventilação, alimentação, e até transporte e hospedagem em alguns casos.

Isso, além de exigir um planejamento bem feito para que nada dê errado em nenhum ponto, exige um investimento financeiro grande.

Investindo em educação corporativa a distância com vídeos online, você consegue sumir com todos esses obstáculos e foca naquilo que realmente importa: o conteúdo que será ensinado.

Você dá “adeus” aos gastos extremos e “olá” para um sistema de ensino muito mais ágil e eficiente, como fez o pessoal do O Boticário, a maior franquia de cosméticos do mundo:

Caso Boticário

Sabe-se que para uma franquia dar certo, ela precisa manter a sintonia entre todos os franqueados e garantir que os colaboradores sejam treinados de maneira correta. Um pequeno deslize em uma unidade pode colocar em risco a credibilidade de todas as outras.

O Boticário lança produtos a cada 15 dias e precisa manter seus colaboradores atualizados e preparados para lidar com essas novas questões e com todos os outros processos.

Porém, como a franquia é grande demais e possui milhares de colaboradores espalhados pelo mundo todo, trazê-los todo mês para a sede em Curitiba era caro e custoso demais.

Então, a melhor solução para eles foi utilizar vídeos online aliados a tecnologia da Samba Tech. Dessa forma, todos os colaboradores podem realizar os treinamentos sem sair da sua cidade e, assim, se manterem produtivos e atualizados.

Clique no link abaixo e conheça a ferramenta que irá transformar os resultados dos seus colaboradores.

>> Clique Aqui e conheça o Software Avaliação Gratuitamente <<

Educação Corporativa: como investir em equipes pode ser a chave do sucesso
Qual pontuação você daria?


E-book Grátis

Descubra os 10 passos infalíveis para uma Avaliação de Desempenho Perfeita.

Informe seu e-mail ao lado

100% livre de spam.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!