Metas e Objetivos: Dicas Infalíveis Seu Crescimento Profissional!21 min read


Definição de metas e objetivos

Todo ser humano tem anseios, vontades e propósitos e, por isso, criam metas e objetivos para si. Porém, algumas pessoas acabam confundindo esses dois termos e, com isso, podem ter problemas em defini-los, principalmente na hora de criar um Planejamento Pessoal.

Definir seus objetivos e mensurar sua produtividade pode contribuir no alcance de suas metas. Ou seja, saber se você ou sua empresa está sendo produtiva, é o mesmo que saber se estão fazendo aquilo que foi planejado nas suas metas e objetivos. Veja a diferença entre metas e objetivos, a seguir.

Metas e objetivos

Os objetivos dão descrições concretas de onde está se querendo chegar, ou o que está se tentando alcançar, ou seja, o propósito.

O objetivo é estratégico e abrangente.

No que tange a vida pessoal pode significar cursar uma nova faculdade, emagrecer, dar um salto na vida financeira, casar, ter filhos, começar um hobby.

O objetivo são os sonhos, o que nos move e o que nos motiva.

Já no que diz respeito ao ambiente corporativo, um objetivo pode significar a implantação de um novo sistema dentro de uma empresa, ou um novo software com a estipulação de uma data, por exemplo.

Andando junto com os objetivos, as metas são tarefas específicas para alcançá-los, sendo que elas são temporais, ou seja, estipulam prazos.

Por exemplo, se o seu objetivo é ficar rico, sua meta será traçar caminhos que te levarão à riqueza, como administrar melhor seu dinheiro e ter uma fonte de renda extra nos próximos cinco anos. Quando metas são atingidas, você consegue alcançar os seus objetivos.

Outro exemplo: você quer tornar sua empresa mais conhecida no mercado. Esse é o seu objetivo. Suas metas serão criar meios de comunicação entre sua corporação e o público alvo e investir em um marketing eficaz por seis meses.

Sendo assim, a diferença entre objetivo (que é o que você pretende fazer e/ou alcançar) e de metas (que é a especificação desses objetivos quantitativamente) fica claro. O objetivo é o que você quer alcançar, e as metas estipulam os passos e prazos para a realização das metas e objetivos.

Planejamento de metas e objetivos

Assim como as empresas, para alcançar o sucesso, a realização pessoal e profissional é preciso ter um planejamento de metas, registrado de forma clara, com datas, prazos, ações e especificações detalhadas para tudo o que se desejada alcançar nas suas metas e objetivos.

O sucesso é decorrência de um planejamento, um documento escrito, detalhado, palpável e possível de ser visualizado, idealizado e vislumbrado, o qual consiste em 7 etapas:

  • Definir o que se deseja realizar. Ter convicção do seu desejo.
  • Traçar claramente o prazo que deseja alcançar a meta (isso significa determinar dia, mês e ano). Nesta etapa você definirá claramente a data para alcançar sua meta. Dentro do seu planejamento é indispensável você programar alguns planos para checar o grau de evolução.
  • Escrever, com clareza e precisão, qual é a sua meta, quanto tempo levará para ser atingida, a data de início e o que você vai fazer para alcançá-la. O resultado que você obtiver será diretamente proporcional ao que você fizer.
  • Ler em voz alta o que escreveu duas vezes por dia no mínimo (manhã e noite). Sempre que fizer a leitura das metas você deve ter o pensamento de que já concretizou.
  • O seu subconsciente começará a trabalhar no sentido de concretizá-la. O ideal é ler 21 vezes por dia durante 21 dias para gravar no inconsciente e subconsciente.
  • Despertar um desejo ardente. É necessário que a concretização de suas metas, sonhos, objetivos seja para você tão vital como o ar que você respira. Se você não respirar, morre. Portanto, esse mesmo desejo de viver é que temos que ter nesta etapa.
  • Ação. Esta é a etapa mais importante. Consiste em partir para a ação imediatamente! Talvez você esteja pensando que agora não é o momento oportuno, que ainda não está preparado e que a executará, em breve, se tudo correr bem.
  • É necessário que você saiba que o SUCESSO não é algo OPORTUNO e que mesmo as coisas inoportunas têm o seu devido valor.
  • Portanto, comece hoje mesmo, pois se você não agir nada acontece.
  • Imaginar diariamente as suas ações como se sua meta já estivesse sido alcançada. A imaginação é uma propriedade realizadora e fantástica que todos nós temos.

Cada uma das etapas para a elaboração do planejamento de metas requer a devida atenção para que o resultado seja de conquistas e realizações. Basta empenho e coragem para expor o que você realmente deseja ao planejar as suas metas e objetivos.

As dificuldades na elaboração desse documento valem a atenção para serem superadas, pois é através desse valioso documento que se conquistará o sucesso em todos os âmbitos da vida.

Em diversos aspectos, as pessoas estão sempre buscando atingir suas metas e objetivos, mas para isso é importante traçar metas.

Determinação e força de vontade não são suficientes quando possuem dificuldade de concentração e não sabem como priorizar suas obrigações. Transmitiremos algumas informações, segundo o processo de coaching.

Quando o assunto é cumprir metas, a primeira providência a ser tomada é ajustar o foco. Por mais que tenha seus objetivos bem definidos, dificilmente conseguirá atingi-los se estiver desperdiçando sua atenção com atividades irrelevantes.

Não acumule tarefas, procure dividi-las por dia de acordo com a sua habilidade. Vá riscando da lista as que conseguiu finalizar e deixe as inacabadas para o dia seguinte, mantendo a ordem de importância de cada uma.

É importante também contar com alguns imprevistos que possam surgir durante o dia e reservar um tempo para eles. Evite dispersões, elas são muito comuns e estão presentes em nosso cotidiano. Procure retomar o controle assim que perceber que se distraiu.

Para manter o foco, faça um planejamento de suas ações a fim de realizar apenas as que são realmente importantes, acredite em seu potencial, respeitando as suas próprias condições e evite os desvios de atenção desnecessários.

Metas e objetivos Smart

Metas SMART são metas construídas de forma a se considerar 5 atributos: S (Específico), M (Mensurável), A (Atingível), R (Relevante) e T (Temporal).

Vamos explicar cada um desses atributos abaixo:

  • S (Específico)

O primeiro elemento para a construção de uma boa meta é considerar que ela deve ser específica.

Fuja de más interpretações, tanto da sua parte como da parte da sua equipe e especifique o máximo possível a sua meta. Vamos analisar o seguinte exemplo:

Meta: Vender mais

Essa meta é não específica pois pode significar muitas coisas diferentes dependendo de quem interpretá-la.

Para fugir desse erro, na hora de construir sua meta, tente responder as seguintes perguntas: O que eu quero com essa meta? Quem é responsável por ela? Onde ela deve ser realizada? Como ela será batida? Por que ela existe?

Assim, já podemos deixar nossa meta de uma maneira bem mais específica do que era anteriormente.

Meta Específica: Minha equipe de Marketing irá Aumentar as Vendas Online no Nosso Site porque Queremos Aumentar nossa Presença Online.

  1. O que eu quero com essa meta? Aumentar as Vendas Online
  2. Quem é responsável por ela? Minha Equipe de Marketing
  3. Onde ela deve ser realizada? Online
  4. Como ela será batida? no Nosso Site
  5. Por que ela existe? Queremos Aumentar nossa Presença Online
  • M (Mensurável)

Já dizia Peter Drucker, um dos gurus da Administração Moderna, que o que não pode ser medido não pode ser gerenciado. Portanto, depois de especificar nossa meta devemos ser capazes de mensurá-la. Para fazer suas metas SMART você deve responder as seguintes perguntas:

  1. Quanto é o resultado esperado da minha meta?
  2. Quanto tempo será necessário para realizá-la?

Continuando a construir a nossa meta do exemplo anterior, teremos um resultado mais ou menos assim:

Meta Mensurável: Minha equipe de Marketing irá Aumentar as Vendas Online em 200% no Nosso Site no primeiro trimestre de 2016 porque Queremos Aumentar nossa Presença Online.

  1. Quanto é o resultado esperado da minha meta? Aumento de 200%
  2. Quanto tempo será necessário para realizá-la? 3 meses (Primeiro Trimestre de 2016)
    bullseye

A (Atingível)

De nada adianta construir uma meta que é impossível de ser atingida.

Os efeitos dessa meta serão devastadores para você e para a sua equipe, que ficarão desmotivados em correr atrás de batê-la. Portanto, quando construir suas metas SMART, é extremamente importante deixar a meta mensurável mas de forma que os números dela possam ser atingíveis.

A nossa meta de exemplo – Minha equipe de Marketing irá Aumentar as Vendas Online em 200% no Nosso Site no primeiro trimestre de 2016 porque Queremos Aumentar nossa Presença Online – É extremamente difícil de ser batida se levarmos em consideração que é necessário um crescimento de quase 67% ao mês em apenas 3 meses para bater essa meta.

Para construir uma meta atingível você deve:

Analisar o seu histórico e dizer se a meta é atingível
Conversar com a equipe/pessoa responsável e verificar se a meta é factível
Digamos que no nosso exemplo, ao analisar o histórico, vimos que seria impossível chegar nesse número de 200% ainda mais no primeiro trimestre.

Então refazemos a meta para ela ficar assim:

Meta Atingível: Minha equipe de Marketing irá Aumentar as Vendas Online em 20% no Nosso Site no primeiro semestre de 2016 porque Queremos Aumentar nossa Presença Online

  • R (Relevante)

Uma meta, para ser relevante, deve impactar diretamente o seu negócio de modo que você consiga provar facilmente que ela trouxe algum tipo de resultado. Alguns exemplos são:

Aumento de Faturamento
Aumento do Número de Clientes
Diminuição de Custos
Portanto, olhe para os números importantes do seu negócio e tente vincular uma meta a algum desses números.

Tome cuidado com metas que não são relevantes e não levam a lugar nenhum.

Toda meta a ser batida deve ser justificada com algum número importante para a operação da empresa. Logo, não se esqueça: Metas SMART devem ser relevantes e impactarem o seu negócio.

No nosso exemplo podemos vincular facilmente a nossa meta aos objetivos da empresa como: Aumento de Faturamento e Aumento do Número de Clientes.

  • T (Temporal)

Uma meta sem prazo é uma meta que nunca será batida, portanto sempre associe uma meta a um período de tempo que ela deve ser realizada. Se você seguiu os passos corretamente, na própria etapa de definir a meta como mensurável você já deve ter definido um espaço de tempo para realizá-la.

De qualquer modo, revise a meta com a equipe/pessoa a cumpri-la e verifique se o prazo está condizente com a realidade. E nunca se esqueça: Por mais que a meta tenha um número fixo a ser batido como, por exemplo, vender R$100.000 de um determinado produto, sempre deixa registrado um prazo.

No nosso exemplo – Minha equipe de Marketing irá Aumentar as Vendas Online em 20% no Nosso Site no primeiro semestre de 2016 porque Queremos Aumentar nossa Presença Online – o prazo está bem definido e a meta deve ser batida até o fim do primeiro semestre.

Metas e objetivos da empresa

Os objetivos e metas têm papel fundamental no planejamento estratégico.

Metas e objetivos

Ao se estabelecerem prazos e quantificarem os resultados, os objetivos e metas tornam o planejamento mais fácil de ser executado. É importante atentar-se que os objetivos, assim como as estratégias, devem atender as necessidades da organização.

Os objetivos e metas devem ser tangíveis e não um sonho no imaginário do executivo.

Toda corporação estabelece metas e objetivos que visam aumentar os lucros da empresa, motivar os funcionários, cumprir as demandas de trabalho e satisfazer seus clientes.

Para que metas sejam cumpridas e objetivos concluídos, existem três passos importantes:

  • Planejamento: o primeiro passo, após estabelecer objetivo e metas, é organizá-los. Crie planilhas e documentos com o que precisa ser concluído, quais os prazos e as prioridades;
  • Dedicação: mantenha-se firme em seu propósito. Lembre-se sempre do que é necessário para alcançar seu objetivo e motive-se para cumprir cada meta;
  • Cooperação: para o benefício da empresa é necessário que todos estejam comprometidos em realizar as metas, cada um cumprindo com sua parte e ajudando seus demais colegas com a parte deles.

Metas e objetivos profissionais

Quando falamos que “as metas devem ser perseguidas a todo custo”, precisamos abrir aqui um parêntese para explicar isto um pouco melhor e não deixar margem para ambiguidade ou dupla interpretação.

Existem muitas formas de atingir um objetivo e batermos nossas metas, mas precisamos ter em mente quais são os princípios ou crenças que servem de guia para os comportamentos, atitudes e decisões de todas as pessoas na empresa, envolvidas na busca dos seus objetivos e metas.

A estes princípios e crenças, damos o nome de valores.

Além dos valores convencionalmente aceitos e esperados pela sociedade em geral (como honestidade, integridade, responsabilidade, etc.),

toda empresa tem definido (ou deveria ter) o seu próprio conjunto completar de valores, dos quais não abre mão em hipótese alguma, independente das metas e objetivos estabelecidos.

Ter um conjunto de valores definido e publicado, além de orientar todos na empresa sobre as atitudes e comportamentos que são inaceitáveis, também contribui para manter todos resilientes e focados missão e visão da companhia.

Para fechar, separamos algumas dicas extras para você não errar na definição de metas para você, sua equipe e sua empresa:

  • Não deixe para ultima hora. Deixar para definir as metas do próximo ano (semestre ou mesmo trimestre) para última semana pode ser arriscado e comprometer bastante a qualidade dos resultados.
  • Clareza e objetividade: além de ser feito com calma e organização, é importante que o planejamento seja claro e objetivo, sem muita complexidade e metas mirabolantes. Faça-o de maneira simples e não crie muitas estratégias.
  • KISS (Keep It Simple): quanto mais simples, maiores as chances de todos entenderem os planos e a empresa obter os resultados esperados. Quando mais complexos os planos, mais reduzirão suas chances de sucesso.
  • Disciplina: a definição, o planejamento e a execução das metas exigem disciplina! Apesar de a ferramenta ser conceitualmente simples, é necessário algum esforço para que a empresa consiga ter total domínio dela no primeiro ano.
  • Melhoria contínua: todos os problemas com a aplicação da ferramenta devem ser anotados e documentados para que sejam sanados na definição das metas para o próximo ano. Faz parte do processo de aprendizado e disciplina de todos na organização.
  • Saiba o que esperar: tenha clareza do que realmente importa para empresa, com sabedoria para separar meio e fim, causa e consequência. Determinando que o objetivo é “aumentar as vendas”, todos na empresa se voltarão para isso.
  • É possível que haja um descuido com as saídas de caixa, e, no final do ano, mesmo tendo registrado um aumento nas receitas, os lucros poderão ter caído.
  • Por outro lado, estipulando o “aumento do lucro” como objetivo, toda a empresa pode se voltar para o corte de custos.
  • “Arrojo com os pés no chão”: uma meta não é um desejo ou um sonho e o grande segredo para que uma empresa atinja suas metas começa já na definição. A meta não pode ser um achismo, fruto da intuição, mas o resultado de uma pesquisa que deve ser feita em seus registros contábeis, relatórios operacionais e gerenciais.
  • Envolva as pessoas: desdobre a meta em iniciativas pessoais. Em empresas de maior porte pode existir um desdobramento intermediário em departamentos ou áreas, mas em empresas de menor porte, pode ser ainda melhor desdobrar diretamente por pessoas.
  • Faça com que cada um conheça seu papel em relação aos resultados globais. Discuta a meta e seus desdobramentos com as pessoas que ficarão responsáveis por atingi-la.
  • Sente-se com as pessoas e deixe claro o que espera delas com relação às iniciativas e qual o impacto de cada meta individual nos resultados gerais da organização.

Como traçar metas e alcançar objetivos na empresa

Criar metas exige visão estratégica do negócio, o que é de extrema importância para a sobrevivência e o sucesso das organizações.

Metas e objetivos

Alcançá-las dependem do perfil e maturidade profissionais, coerência entre meta e objetivos empresariais, competências técnicas e comportamentais requeridas para um determinado cargo ou função, dentre outros quesitos.

O ideal é que as metas sejam atingidas diariamente, recomendam consultores. Para tanto, é imprescindível saber administrar o tempo.

m atleta competitivo estabelece os objetivos e as metas que deseja atingir. Esta decisão guiará sua trajetória de treinamento e desenvolvimento, influenciando o seu próprio estilo de vida. O mesmo acontece com uma empresa competitiva: o estabelecimento de objetivos e metas deve ser parte importante do seu planejamento rumo ao futuro, e até mesmo do seu dia-a-dia.

Esse grau de importância é maior quando se trata de empresa com número crescente de colaboradores: enquanto para o atleta a conscientização é individual, para a empresa o fator preponderante no estabelecimento dos objetivos é a sintonia entre as pessoas, dos dirigentes aos colaboradores.

Existem outras boas vantagens em se estabelecer objetivos. Uma delas é despertar a reflexão e a decisão dos responsáveis sobre onde a empresa deseja chegar, quando chegar e como posicioná-la no mercado para facilitar e harmonizar a alocação de recursos.

Para usufruir dessas vantagens, uma vez tendo a decisão, o processo é simples e pode ser realizado por todos os dirigentes. Duas recomendações básicas: se possível, que o nascimento desse quadro de objetivos se origine de um grupo reunido para esse fim, com a participação de pessoas que ocupam posição estratégica na empresa. A outra é que os objetivos definidos sejam formalizados, escritos.

Dessa forma, todos se sentirão responsáveis e poderão aferir os resultados com o passar do tempo. Para os grupos que se formarem, a orientação para estabelecer objetivos de qualidade de forma prática é a utilização da fórmula P-A-R-E-M:

•     Possíveis

•     Adequados e importantes

•     Realizáveis no prazo

•     Específicos

•     Mensuráveis

•   Faturamento bruto (R$/mês);Visto que os objetivos devem ser mensuráveis (também podem ser chamados de metas), uma sugestão do ponto de partida é a definição do que se quer medir. Exemplos genéricos do que medir, ou seja, dos indicadores da saúde da empresa:

•   Receita líquida (R$/mês);

•   Receita bruta por colaborador (R$/nº de colaboradores);

•   Satisfação de clientes (% satisfeitos/ total);

•   Lucro sobre o capital (%);

•   Novos clientes (% novos / total), entre outros;

Uma vez escolhidos os indicadores mais representativos do negócio, o passo seguinte é a fixação dos objetivos propriamente ditos, ou seja, quais valores devem ser atingidos por eles e em qual prazo ao planejar as metas e objetivos.

Isso feito, ou seja, tendo estabelecido onde e quando chegar, a seqüência é o acompanhamento periódico para saber se os objetivos foram muito ambiciosos, por isso não foram alcançados, ou se foram atingidos e até mesmo superados. Dessa forma, pode-se conhecer a realidade da empresa ou do negócio, e tomar sempre as decisões mais adequadas para aproximar o que temos do que queremos nas metas e objetivos.

Exemplos de metas e objetivos

Onde você deseja estar, pessoal e profissionalmente, daqui a 5, 10 ou 20 anos? Já parou para pensar como será seu futuro?

Quais realizações deseja conquistar como ser humano? Começo fazendo estas perguntas para que você possa refletir alguns instantes sobre sua vida e os resultados que deseja obter.

Os objetivos profissionais e pessoais exemplos de como nos vemos e das coisas que projetamos para nosso futuro, são essenciais. São-nos cobrados em entrevistas de empregos, em nosso currículo e na vida como um todo porque ter metas e objetivos bem definidos evidencia nossa visão de futuro e vontade de crescer.

Entretanto, defini-los nem sempre é fácil. Para evitar estes tipos de dificuldades, muito comuns no dia a dia das pessoas, trouxe algumas dicas para ajudar você a definir seus caminhos em curto, médio e longo prazo. Confira e comece a agir!

5 exemplos de objetivos pessoais

Emagrecer – Perder peso está entre os tops objetivos da maioria das pessoas, entretanto, por conta da falta de foco, de método e dedicação, muitos desistem logo no início e não alcançam seu estado desejado.

Dica – Para que isso não ocorra, busque orientação profissional de um nutricionista e um profissional de educação física e busque conciliar uma boa alimentação com exercícios frequentes. Defina prazos realistas e trabalhe progressivamente, com paciência e comprometimento.

Fazer uma viagem internacional – Viajar e conhecer os principais países do mundo é o sonho de muitos. Dica – Para realizá-lo, faça um planejamento assertivo: pesquise preços, melhores datas e adéque o local desejado à sua capacidade financeira e não o contrário. O bom da viagem e ir e voltar apenas com boas lembranças.

Comprar um carro – Este é o desejo de muitos brasileiros, que veem na aquisição de um carro ganho de conforto e independência do ineficiente transporte público. Dica– Siga a mesma ideia do plano da viagem: pesquise valores, o modelo desejado e as melhores formas de pagamento.

Fazer sua Festa de Casamento – Reunir a família e os amigos, celebrar a união do casal é mais um exemplo de objetivo pessoal. Dica – Para que este sonho se torne realidade, os noivos devem definir o tamanho de sua festa, valor a ser investido e buscar os fornecedores que melhor se encaixam em seu orçamento.

Economizar dinheiro – Poupar dinheiro para o futuro, ter um fundo de reserva e um montante guardado para realizações e investimentos, mais na frente, é um objetivo que todas as pessoas, em minha opinião, deveriam ter. Digo isso, porque estes recursos podem servir tanto em momentos de crise como para realizar sonhos e projetos.

5 exemplos de objetivos profissionais

Capacitação – Investir em autodesenvolvimento; capacitação; estudos; cursos e palestras; ilustra nosso primeiro exemplo de objetivo profissional. Esta meta além de importante é essencial ao crescimento na carreira.

Ser Promovido – Conquistar uma promoção, subir mais um degrau e ocupar um novo cargo, com novos desafios e possibilidades, é outro símbolo de objetivo na carreira. Para isso, o colaborador deve buscar evolução contínua e manter-se sempre produtivo, engajado, criativo e resolutivo.

Ser Líder – Diferente dos profissionais que apenas querem ser promovidos no trabalho; existem aqueles que objetivam realmente serem líderes, contribuir com suas habilidades, conduzir equipes e gerenciar e melhorar os processos da empresa.

Abrir o próprio Negócio – Empreender o próprio negócio, ser um empresário de sucesso é mais que um objetivo, é o sonho de uma boa parte dos profissionais. Para isso, é necessário planejar bem o negócio, adquirir e dominar conhecimentos relativos à gestão de pessoas, processos, finanças e negócios.

Sucesso na Carreira – Ser reconhecido na carreira como um profissional de alto desempenho, com sucesso financeiro, que produz resultados extraordinários e contribui poderosamente para a empresa, as pessoas e o mundo; é um objetivo louvável e fantástico e o intuito de muitos.

Estes são apenas alguns exemplos de objetivos pessoais e profissionais que as pessoas têm e que buscam realizar. Defini-los é o primeiro passo para planejar a vida pessoal e a carreira e obter, as ferramentas e o apoio e tomar as atitudes certas em prol destas realizações. Pense nisso e boa sorte!

Clique no link abaixo e conheça a ferramenta que irá transformar os resultados dos seus colaboradores.

>> Clique Aqui e conheça o Software Avaliação Gratuitamente <<

Metas e Objetivos: Dicas Infalíveis Seu Crescimento Profissional!21 min read
5 (100%) 15 votes


E-book Grátis

Descubra os 10 passos infalíveis para uma Avaliação de Desempenho Perfeita.

Informe seu e-mail ao lado

100% livre de spam.