Dinâmica De Grupo – Trabalho Em Equipe | Maximizando A Produtividade15 min read


Em grande parte, nossas experiências de vida envolvem dinâmica de grupo – trabalho em equipe, ou seja, estarmos engajados com outras pessoas e grupos.

Às vezes subestimamos a importância da sociedade e dos membros do grupo em nossas vidas. Por outro lado, uma dinâmica de grupo e trabalho em equipe nem sempre são fáceis de gerenciar.

Imagine que você reuniu as pessoas do seu departamento para resolver um problema. Você tem grandes esperanças para o grupo, mas se sente frustrado quando as pessoas não podem chegar a uma decisão.

Vários fatores podem interferir. Alguém do grupo pode ser  muito crítico em relação às ideias dos colegas. Outro dificilmente contribuiu para as sessões: quando perguntado sobre sua opinião, ele simplesmente concorda com um colega mais dominante.

Finalmente, um membro do grupo faz comentários humorísticos em momentos inoportunos, o que perturba o ímpeto da discussão.

Esses são alguns exemplos clássicos de uma dinâmica de grupo precária e podem prejudicar o sucesso de um projeto, bem como o moral e engajamento das pessoas.

dinâmica de grupo - trabalho em equipe

O que é um Grupo?

Toda organização é um grupo em si. Um grupo se refere a duas ou mais pessoas que compartilham um significado e uma avaliação comuns de si mesmas e se reúnem para alcançar objetivos comuns.

Em outras palavras, um grupo é uma coleção de pessoas que interagem umas com as outras, aceitam direitos e obrigações como membros e compartilham uma identidade comum.

Características de um Grupo

Independentemente do tamanho ou do objetivo, cada grupo tem características semelhantes:

  • 2 ou mais pessoas – se for uma pessoa, não é um grupo
  • Estrutura social formal – as regras do jogo são definidas
  • Destino comum – eles irão juntos
  • Objetivos comuns – o destino é o mesmo e são emocionalmente conectados
  • Interação face a face – eles conversam entre si
  • Interdependência – cada um é complemento do outro
  • Autodefinição como membro do grupo – eu pertence ao grupo
  • Reconhecimento por outros – sim, você pertence ao grupo

O que é Dinâmica de Grupo – Trabalho em Equipe

Kurt Lewin, um psicólogo social e especialista em gestão de mudança, é creditado por cunhar o termo “dinâmica de grupo” no início dos anos 40.

Ele observou que as pessoas geralmente assumem papéis e comportamentos distintos quando trabalham em equipe.

Dinâmica de grupo descreve os efeitos desses papéis e comportamentos em outros membros do grupo e no grupo como um todo.

Pesquisadores mais recentes basearam-se nas ideias de Lewin, e esse trabalho tornou-se central para a boa prática gerencial.

Um grupo com uma dinâmica positiva é fácil de detectar. Os membros da equipe confiam uns nos outros, trabalham para uma decisão coletiva e se responsabilizam mutuamente por fazer as coisas acontecerem.

Além disso, os pesquisadores descobriram que quando uma equipe tem uma dinâmica positiva, seus membros são quase duas vezes mais criativos do que um grupo médio.

Em um grupo com uma dinâmica de grupo pobre e trabalho em equipe deficiente, o comportamento das pessoas interrompe o processo.

Como resultado, o grupo pode não chegar a nenhuma decisão, ou pode fazer a escolha errada, porque os membros do grupo não conseguem explorar as opções de forma eficaz.

O conjunto de dinâmicas lida com as atitudes e padrões comportamentais de um grupo. A dinâmica de grupo diz respeito à forma como os grupos são formados, qual é sua estrutura e quais processos são seguidos em seu funcionamento. Assim, preocupa-se com as interações e forças que operam entre os grupos.

Estágios da Dinâmica de Grupo

Trabalhar em grupo ou entre uma equipe às vezes é inevitável e, em algum momento, seja na escola ou em sua carreira, você será solicitado a fazer parte de uma equipe, grupo ou comitê para atingir uma meta específica.

Em todas essas situações, é importante reconhecer a dinâmica do grupo e como elas podem apoiar o trabalho em grupo bem-sucedido e os resultados do grupo.

Dinâmica de grupo é definida como o processo envolvido quando as pessoas em um grupo interagem umas com as outras.

As interações podem ser positivas e negativas e podem afetar o desempenho da dinâmica de grupo e do trabalho em equipe.

Dinâmicas precárias podem prejudicar o moral, minar a produtividade e levar sua equipe a tomar decisões erradas ou, possivelmente, ficar com resultados improdutivos e sem sucesso.

Conforme teorias há cinco estágios diferentes envolvidos quando se trata de como os grupos interagem em termos de desenvolvimento de grupo ou dinâmica de grupo; que todas essas fases são necessárias e inevitáveis ​​para que a equipe cresça, enfrente desafios, resolva problemas, encontre soluções, planeje o trabalho e produza resultados.

Esses estágios incluem:

  • Formando

O primeiro estágio da vida de um grupo diz respeito à formação de um grupo. Formar é quando o grupo se reúne no começo para descobrir seus objetivos e como isso pode ser realizado.

Os membros tendem a ser educados durante este período e todos estão tentando descobrir seu papel.

Esta etapa é caracterizada por membros que buscam uma tarefa de trabalho (em um grupo formal) ou outro benefício, como status, afiliação, poder, etc. (em um grupo informal). Os membros neste estágio ou se envolvem em um tipo de atividade ou mostram apatia.

  • Atacando

A próxima etapa deste grupo é marcada pela formação de díades e tríades. Os membros procuram indivíduos familiares ou semelhantes e iniciam uma partilha mais profunda de si mesmos.

Atenção continuada ao subgrupo cria uma diferenciação no grupo e tensões entre as díades / tríades podem aparecer. O emparelhamento é um fenômeno comum. Haverá conflitos sobre o controle do grupo.

O ataque é uma fase em que a liderança e as ideias dos membros do grupo podem ser questionadas. Este é frequentemente o estágio mais difícil, porque é onde os membros podem se sentir desconectados ou sobrecarregados e desistir da meta geral. Alguns membros da equipe podem não querer fazer o que lhes é pedido.

  • Normatizando

É quando o grupo começa a se unir para formular um plano único para o objetivo comum. Os membros muitas vezes desistem de suas ideias para o bem do grupo e os indivíduos começam a se entender melhor.

A terceira etapa do desenvolvimento do grupo é marcada por uma preocupação mais séria com o desempenho do trabalho e equipe.

As díades / tríades começam a se abrir e procurar outros membros no grupo. Esforços são feitos para estabelecer várias normas para a execução das tarefa.

Os membros começam a assumir maior responsabilidade por seu próprio grupo e relacionamento, enquanto a figura de autoridade se torna mais evidente de forma natural.

Uma vez que este estágio esteja completo, uma imagem clara surgirá sobre a hierarquia da liderança. O estágio normativo termina com a solidificação da estrutura do grupo e um senso de identidade de grupo e camaradagem.

  • Realizando

Neste estágio, o grupo é capaz de trabalhar em conjunto para atingir a meta, com pouca necessidade de supervisão ou entrada externa. Eles entendem as necessidades uns dos outros e são capazes de perceber como trabalhar de forma mais eficaz para atingir o objetivo.

Este é um estágio de um grupo totalmente funcional, onde os membros se veem como um grupo e se envolvem na tarefa.

Cada pessoa faz uma contribuição e a figura de autoridade também é vista como parte do grupo. As normas do grupo são seguidas e a pressão coletiva é exercida para garantir o processo de eficácia do grupo.

O grupo pode redefinir seus objetivos à luz das informações do ambiente externo e mostrar uma vontade autônoma de perseguir esses objetivos. A viabilidade a longo prazo do grupo é estabelecida e nutrida.

  • Adiamento

No caso de grupos temporários, como equipe de projeto, força-tarefa ou qualquer outro grupo que tenha uma tarefa limitada em mãos, existe um quinto estágio. Ele é conhecido como adiamento.

O adiamento é a dissolução do grupo e a oportunidade de refletir sobre resultados bem sucedidos ou mal sucedidos e como esses resultados podem ajudar cada integrante a desempenhar melhor em grupos futuros mais tarde.

O grupo decide se separar. Alguns membros podem se sentir felizes com o desempenho, e alguns podem ficar insatisfeitos com a interrupção do encontro com os membros do grupo.

Os quatro estágios de desenvolvimento do grupo mencionados acima para grupos permanentes são meramente sugestivos. Na realidade, vários estágios podem continuar simultaneamente.

dinâmica de grupo - trabalho em equipe

Problemas Comuns do Trabalho em Equipe

Na próxima vez que você trabalhar em um grupo ou equipe, tente estar ciente de como sua equipe progride nesses estágios. Os membros do grupo podem percorrer esses estágios em momentos diferentes.

Se os membros da equipe sabem em que estágio se encontram, eles têm uma ideia melhor de quão longe ou próximo estão de alcançar o sucesso do grupo.

Existem comportamentos específicos que podem impedir um grupo ou equipe de atingir seus objetivos com sucesso. Tanto os líderes do grupo quanto os membros da equipe podem contribuir para uma dinâmica de grupo negativa.

Vejamos alguns dos problemas mais comuns que podem contribuir para uma dinâmica de grupo insatisfatória:

  • Liderança fraca

Isso ocorre quando uma equipe ou grupo não tem um líder forte e um membro mais dominante do grupo geralmente assume o comando. Isso pode levar a uma falta de direção, lutas de poder ou um foco nas prioridades erradas.

  • Deferência excessiva à autoridade

Isso pode acontecer quando os membros do grupo querem ser vistos concordando com um líder e, portanto, se abstêm de expressar suas próprias opiniões.

  • Pensamento de grupo

Isso acontece quando as pessoas colocam um desejo de consenso acima do desejo de chegar à decisão certa, impedindo que as soluções alternativas sejam completamente exploradas.

  • Saída antecipada

Nessa situação, alguns membros do grupo se retiram e deixam seus colegas para fazer todo o trabalho. Esses “cavaleiros livres” podem trabalhar duro de forma independente, mas limitam suas contribuições em situações de grupo.

  • Apreensão de avaliação

As percepções dos membros da equipe também podem criar uma dinâmica de grupo negativa. Apreensão de avaliação acontece quando as pessoas sentem que estão sendo julgadas excessivamente ou duramente por outros membros do grupo, e eles retêm suas opiniões como resultado.

  • Bloqueio

Acontece quando os membros do grupo se comportam de uma maneira que interrompe o fluxo de informações no grupo. As pessoas podem adotar atitudes de bloqueio, como:

O agressor

Um membro que frequentemente discorda dos outros ou é inadequado.

O negador

Um membro que muitas vezes critica outras ideias.

O retirante

Um membro que não participa da discussão.

O buscador de reconhecimento

Um membro que é arrogante ou domina a sessão.

O piadista

Um membro que introduz humor em momentos inapropriados.

Se um grupo parece estar indo na direção errada, eles ainda podem melhorar a dinâmica de grupo – trabalho em equipe e transformar uma experiência de negativa em positiva.

A dinâmica de grupo positiva ajuda as equipes a realizarem as tarefas e podem causar impacto fora das reuniões e das atividades da equipe. Quando a informação flui livremente entre os membros da equipe, todos têm a chance de fazer a diferença.

dinâmica de grupo - trabalho em equipe

Transformando Grupos em Equipes Efetivas

Todas as equipes são grupos, mas nem todos os grupos são equipes. As equipes geralmente são difíceis de formar porque leva tempo para os membros aprenderem a trabalhar juntos.

As pessoas em todos os locais de trabalho falam sobre a criação da equipe, o trabalho em equipe e a equipe, mas poucos entendem como criar a experiência da dinâmica de grupo – trabalho em equipe ou como desenvolver uma equipe eficaz.

Pertencer a uma equipe, no sentido mais amplo, é resultado de se sentir parte de algo maior do que a própria pessoa. Tem muito a ver com a sua compreensão da missão ou objetivos da sua organização.

Em um ambiente orientado a equipe, contribui-se para o sucesso geral da organização. Um trabalha com outros membros da organização para produzir esses resultados.

Mesmo que você tenha uma função de trabalho específica e pertença a um departamento específico, você está unificado com outros membros da organização para atingir os objetivos gerais. A imagem maior conduz suas ações; sua função existe para servir a imagem maior.

Está registrado que as equipes são melhores que os grupos, porque são mais flexíveis e responsivas ao ambiente dinâmico. Um grupo de trabalho não tem oportunidade de se envolver em trabalhos coletivos.

É a equipe de trabalho cujos membros trabalham intensamente em um objetivo específico e comum usando sua sinergia positiva, responsabilidade individual e mútua e habilidades complementares.

As 6 Dinâmicas de Grupo das Equipes de Alto Desempenho

Em uma época em que todos nós estamos nos comunicando cada vez mais por meio de dispositivos eletrônicos, em vez de conversas reais, o trabalho em equipe é prejudicado.

A Pixar, a empresa que nos deu os blockbusters do Toy Story, bem como The Incredibles, Monsters, Inc., é um dos estúdios de cinema de maior sucesso de todos os tempos.

Grande parte de sua série sem precedentes de sucessos críticos e de bilheteria se deve ao incrível nível de trabalho em equipe. A prioridade é sempre produzir o melhor resultado final possível, não importa o que seja necessário fazer.

O Toy Story 2, por exemplo, estava há mais de três anos em produção e estava praticamente concluído quando todo o trabalho foi descartado e o estúdio começou do zero. O filme acabou se tornando um dos filmes mais aclamados e bem sucedidos.

Então, como a Pixar criou uma cultura que possui um nível incrível de trabalho em equipe em um setor que é conhecido por enormes egos criativos e competitivos?

Muitos na empresa dão crédito a Steve Jobs, que financiou a empresa nos primeiros anos e acabou assumindo a propriedade.

Jobs supervisionou pessoalmente o projeto do prédio de escritórios da empresa e, originalmente, os funcionários pensavam que Jobs acabara desperdiçando uma enorme quantidade de espaço ao insistir que um grande átrio ancorasse a área central interna do prédio.

E ele insistiu que a área do átrio contivesse as salas de reunião, a cafeteria e, o mais importante, os banheiros. Em outras palavras, em algum momento do dia de trabalho, todos na Pixar teriam que passar pelo átrio.

Brad Bird, então um dos principais diretores da Pixar, disse que Jobs “percebeu que quando as pessoas se encontram, quando fazem contato visual, as coisas acontecem. Então ele tornou impossível para você não se deparar com o resto da empresa. ”

Em uma época em que todos nós estamos nos comunicando cada vez mais por meio de dispositivos eletrônicos, em vez de conversas reais, o trabalho em equipe é prejudicado.

Como disse Jobs, “há uma tentação em nossa era de rede de pensar que as ideias podem ser desenvolvidas por e-mail e pelo Chat. Criatividade vem de reuniões espontâneas, de discussões aleatórias. Você esbarra em alguém de outro grupo, pergunta o que eles estão fazendo, você diz “uau” e logo você está inventando todo tipo de ideias.

Pesquisas recentes identificaram a dinâmica de grupo que as equipes de alto desempenho compartilham, chegando a seguinte conclusão:

  • Todos na equipe conversam e ouvem. Ninguém domina a conversa.
  • As interações são enérgicas com muita comunicação cara-a-cara.
  • As pessoas conectam-se umas com as outras diretamente – não apenas com ou através do líder da equipe.
  • Conversas paralelas são realizadas dentro da equipe.
  • Pessoas de tempos em tempos saem do grupo e trazem informações externas relevantes de volta.
  • Contribuições / talentos individuais são menos importantes do que os padrões de comunicação bem-sucedidos

Jobs estava certo: a forma mais valiosa de comunicação é cara a cara. As teleconferências e videoconferências são as próximas mais eficazes, mas perdem valor à medida que mais participantes são incluídos.

A otimização do trabalho em equipe não deve ser apenas uma prioridade interna para uma empresa. Obrigações devem ser criadas tanto com clientes quanto com fornecedores para alcançar verdadeiros objetivos estratégicos. Do contrário, a desconfiança e a negatividade podem atrapalhar os relacionamentos.

Essa dinâmica de grupo – trabalho em equipe, não pode ser criada por meio de e-mails ou mensagens de texto. Elas acontece por meio da interação humana em pessoa – você lembra? O que costumávamos fazer antes de inventar telefones e computadores.

Quando você digita menos e fala mais com os colegas, você fortalece o trabalho em equipe real. E isso pode levar o seu empreendimento, como costumava dizer nosso velho amigo Buzz Lightyear: “Para o infinito e além!”

Clique no link abaixo e conheça a ferramenta que irá transformar os resultados dos seus colaboradores.

>> Clique Aqui e conheça o Software Avaliação Gratuitamente <<

 

Dinâmica De Grupo – Trabalho Em Equipe | Maximizando A Produtividade15 min read
Qual pontuação você daria?


E-book Grátis

Descubra os 10 passos infalíveis para uma Avaliação de Desempenho Perfeita.

Informe seu e-mail ao lado

100% livre de spam.